Segunda-Feira, 21 de Outubro de 2019

Homem é preso pela Policia Militar acusado de matar o próprio irmão em frente à sobrinha




COMPARTILHE

Marcelo Rocha de Carvalho, o “Pé de Pato”, foi preso pela Polícia Militar de Sinop sob a acusação de ter matado o próprio irmão, Marcio Rocha de Carvalho, de 25 anos, com pelo menos cinco tiros. O homicídio foi no sábado à noite, por volta das 22h, dentro de uma residência, no Jardim Umuarama.

A PM foi acionada via 190 e uma viatura se deslocou para a rua mencionada no telefonema. Ao chegar ao local, os policiais encontraram Márcio caído, todo ensanguentado e com ferimentos à bala.

A filha dele, de apenas três anos de idade, estava abraçada ao corpo e chorando. O Conselho Tutelar foi acionado para cuidar a criança.

Enquanto os policiais faziam o levantamento das informações, o telefone 190 recebeu denúncias de que “Pé de Pato” foi o executor do irmão.

Os vizinhos informaram a PM que viram o suspeito fugindo de motocicleta logo após os tiros. Marcelo foi preso na residência de um amigo, no bairro Menino Jesus.

Márcio e Marcelo moravam juntos. Preso, Pé de Pato negou o crime, disse que saiu do local antes dos disparos e não viu quem atirou.

 “Você acha que eu mataria meu próprio irmão?”, respondeu ao repórter Ricardo Ridel, da TV Bandeirantes.

Todavia, um exame residuográfico (que constata se há resíduo de pólvora na mão do acusado) deve apontar se ele foi o executor dos disparos. O exame, que passou a ser feito pela Polícia Técnica de Sinop há poucos dias, deve ficar pronto em até 30 dias.

Não há relatos sobre as motivações do crime. Contudo, uma porção de drogas foi encontrada no quarto do suspeito, informa a PM.

 


Autor:Olhar Direto


Comentários

Notice: Undefined index: envio in /home/jornalda/public_html/2018/noticia.php on line 212
O Jornal da Notícia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Jornal da Notícia Para reproduzir as matérias é necessário apenas dar crédito ao Jornal da Noticia

<