Segunda-Feira, 09 de Dezembro de 2019

Wilson Santos e Emanuel Pinheiro terão mais tempo na TV na disputa por Cuiabá




COMPARTILHE

O deputado estadual Emanuel Pinheiro (PMDB), candidato a prefeito de Cuiabá no pleito de outubro deste ano, terá o maior tempo no horário eleitoral gratuito. O peemedebista poderá expor as suas propostas em 3 minutos e 44 segundos.

O deputado estadual Wilson Santos (PSDB), por sua vez, terá 32 segundos a menos que o seu colega de parlamento. O programa eleitoral do tucano terá duração de 3 minutos e 12 segundos.

O terceiro com maior tempo de TV e Rádio será Julier Sebastião (PDT) com 1 minuto e 54 segundos. Os demais candidatos terão menos de um minuto.

Enquanto a ex-senadora Serys Slhessarenko (PRB) terá a sua disposição apenas 38 segundos, o Procurador Mauro (Psol) e Renato Santanna (REDE) ficarão com 15 e com 14 segundos, respectivamente.

A propaganda eleitoral no rádio e na TV tem início no dia 26 de agosto e vai até o dia 29 de setembro. Na TV, eles serão exibidos de segunda a sábado às 13 horas e às 20h30min. Já no rádio será sempre às 7 horas da manhã e 12 horas.

A abertura ficará por conta do Procurador Mauro. Na sequência, vem o programa de Serys, seguida por Santanna, Wilson Santos e Emanuel Pinheiro. Julier Sebastião encerrará o primeiro horário eleitoral.

A ordem de veiculação da propaganda obedecerá a um rodizio: o último a veicular em determinado dia, será sempre o primeiro a exibir sua propaganda eleitoral no dia seguinte.

Graças à mudança na legislação eleitoral, os programas eleitorais, tanto no rádio quanto na TV, terão duração de 10 minutos. Além disso, o espaço será reservado apenas para os candidatos a cargo majoritário, no caso os candidatos a prefeito.

Na última eleição, a duração do programa eleitoral era de 30 minutos, e eram intercalados, sendo um dia para a disputa da prefeitura e o dia seguinte para a disputa das câmaras municipais.

Neste ano, os postulantes a uma cadeira de vereador terão direito apenas as inserções. No entanto, elas aumentaram de 30 para 70 minutos de duração. Deste montante, 60% são destinadas aos candidatos a prefeito. Os vereadores ficaram com apenas 40% das inserções.

Outra modificação diz respeito ao período em que será exibida a propaganda eleitoral gratuita. Antes da minirreforma eleitoral, os programas tinham duração de 45 dias. Este número foi reduzido para 35 dias este ano.

O programa de rádio será gerado pela Rádio Gazeta FM, e o de televisão, pela TV Centro América, afiliada da Rede Globo. As outras emissoras apenas reproduzem a programação, cuja sequência dos programas vai ser montada pela emissora geradora.

A divisão do tempo no horário eleitoral respeita a proporção de deputados federais de cada partido. Desta forma, é lavada em consideração a formação de cada chapa. 


Autor:Kamilla Arruda com Diário de Cuiabá


Comentários
O Jornal da Notícia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Jornal da Notícia Para reproduzir as matérias é necessário apenas dar crédito ao Jornal da Noticia

<