Domingo, 20 de Outubro de 2019

Trinta pessoas acusadas de fraude na Conta Única da Sefaz em MT continuam 'foragidas'




COMPARTILHE

Trinta pessoas envolvidas no esquema de rombo na Conta Única estão sendo procuradas pela polícia fazendária e continuam foragidas da justiça desde o dia 3 de maio, quando foi deflagrada a Operação Vespeiro. Dos 15 presos, quatro já foram soltos e os outros 11 devem sair da cadeia à meia noite desta segunda (7), quando vence o mandado de prisão temporária, válido por cinco dias.

Segundo a promotora Ana Cristina Bardusco, que acompanha o caso, os mandados continam valendo até serem cumpridos ou revogados por decisão judicial.

Estão sendo procurados a mentora do esquema e ex-coordenadora da Conta Única, Magda Curvo, além dos terceirizados que trabalhavam sobe seu comando no setor, Edson Rodrigo Ferreira Gomes e Glaucyo Fabian Oliveira Nascimento Ota. Além do irmão da Magda, Silvan Curvo, e sua esposa Edilza Curvo, apontados como cooptadores dos "laranjas" esquema, além de outros beneficiados com a fraude.

O advogado Valber Melo impetrou um habeas corpus para garantir a liberdade do advogado Vicente Ferreira Gomes e sua esposa Albina Maria Auxiliadora Gomes, pai e mãe de Edson Rodrigo. Porém, o desembargador Manoel Ornellas negou a concessão da liminar e requisitou informações à Delegacia Fazendária no prazo de 10 dias e, em seguida, o Ministério Público Estadual  (MPE) deverá se manifestar sobre o assunto.

Nesta segunda-feira (7) o advogado Eustáquio Inácio de Noronha Neto também impetrou HC para Edson Rodrigo, e o recurso já foi distribuído para a Primeira Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJ/MT), sob a relatoria do desembargador Manoel Ornellas.

Até o momento, somente o colega de Glaucyo Fabian, Jamerson Kestring, e a ex-secretária adjunta do Tesouro, Avaneth Neves, haviam conseguido a revogação da prisão. Hoje, após serem ouvidos, Joanice Batista do Espírito Santos e Antonio Ricardino Martins da Cunha também foram liberados.

Conforme o delegado Rogério Modelli já havia adiantado para HiperNotícias, não foi feito o pedido de revogação da prisão dos acusados presos na Operação. Agora as buscas deverão se centralizar nos outros 30 que estão foragidos.

Os advogados tentam negociar com a polícia a apresentação de seus clientes sob a condição de que sejam liberados em seguida e outros buscam o Poder Judiciário para garantir a liberdade dos acusados de provocar um rombo de R$ 12,9 milhões na Conta Única do Estado.


Autor:Hipernoticias


Comentários

Notice: Undefined index: envio in /home/jornalda/public_html/2018/noticia.php on line 212
O Jornal da Notícia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Jornal da Notícia Para reproduzir as matérias é necessário apenas dar crédito ao Jornal da Noticia

<