Quinta-Feira, 20 de Junho de 2019

Jayme Campos toma posse como secretário de Assuntos Estratégicos de Várzea Grande




COMPARTILHE

Oficialmente tratou-se da posse de Jayme Campos na Secretaria de Assuntos Estratégicos de Várzea Grande, pela prefeita Lucimar Campos. Na prática foi o lançamento de uma política para abrir portas no governo federal e captar investimentos da iniciativa privada para melhorar a qualidade de vida da população e a reconquista do título de “Cidade Industrial” perdido há mais de uma década.

A secretaria de Jayme acaba de ser criada, tem sete funcionários e seu acervo cabe numa pasta. No entanto, ela é considerada a tábua de salvação para o município, por conta do trânsito de seu titular em Brasília, onde cumpriu mandato de senador depois de governar Mato Grosso e por três vezes ser prefeito de Várzea Grande, que agora é administrada por sua mulher e correligionária democrata Lucimar.

A posse de Jayme aconteceu juntamente com a do ex-vereador Kalil Baracat, que assumiu o Desenvolvimento Urbano, Econômico e Turismo; e a de Pablo Gustavo Moraes Pereira na Secretaria de Administração.

O secretário de Assuntos Estratégicos lamentou que nos últimos 12 anos o município tivesse sofrido uma espécie de desmantelamento que o deixou inadimplente e o impediu de receber recursos federais. Jayme citou que essa situação contribuiu para a saída da Companhia de Petróleo Ipiranga e de um depósito da fabricante de cigarros Souza Cruz do município. “Com isso e outros fatores nossa renda per capita que era uma das maiores do Centro-Oeste caiu para R$ 22.228,36”. Para agravar, no período a prefeitura perdeu 50% do Índice de Participação dos Municípios (IPM).

O primeiro grande desafio de Jayme não o assustou. Várzea Grande tem R$ 455 milhões do Programa de Aceleração do Crescimento I (PAC) para investimentos, mas a prefeitura não podia contar com esses recursos por se encontrar inadimplente. Lucimar reverteu à situação e o município voltou à adimplência. Desse montante, R$ 85 milhões serão destinados ao saneamento e pavimentação, “Vamos concluir o esgotamento sanitário, resolver o problema da água e pavimentar uns 30 a 35 bairros”, comemorou Jayme. A liberação da dinheirama do PAC será diluída nos próximos cinco anos.

Os deputados federais Carlos Bezerra e Valtenir Pereira, ambos do PMDB, presentes à posse, disseram que pretendem continuar apoiando Lucimar e colaborando com Jayme. Bezerra sugeriu à prefeita que ela se junte ao colega cuiabano Emanuel Pinheiro, em defesa da retomada e conclusão da obra do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT).

Ao entregar a chave da secretaria a Jayme, Lucimar o definiu enquanto “um homem bom, um grande líder”. Acrescentou que sua nomeação “calará a boa da oposição”, que segundo ela, somente critica e nada faz por Várzea Grande.

ENTREVISTA – Aos jornalistas Jayme disse acreditar que em breve Várzea Grande retomara o crescimento. Segundo ele, a prefeitura fechou o balanço de 2016 sem dívidas junto a fornecedores e prestadores de serviços e que o dinheiro para a folha de pagamento de janeiro está na conta corrente do município para quitação no próximo dia 27. Ele, porém admitiu que ainda há “setores medievais” na administração e citou como exemplo o requerimento para construção civil, que pode demorar até 120 dias. “Isso é absurdo, tem que mudar”, protestou.

Jayme observou que Várzea Grande tem 18 mil famílias beneficiadas com o programa Bolsa Família. Sua meta é o fortalecimento da iniciativa privada em busca da geração de emprego que ofereça boa remuneração. O secretário ponderou que o momento é de crise, mas que ainda assim tem planos e quer botá-los em prática.

 

 


Autor:Eduardo Gomes com Diario de Cuiabá


Comentários

Notice: Undefined index: envio in /home/jornalda/public_html/2018/noticia.php on line 212
O Jornal da Notícia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Jornal da Notícia Para reproduzir as matérias é necessário apenas dar crédito ao Jornal da Noticia

<