Quinta-Feira, 20 de Junho de 2019

Megaoperação resulta em 104 pessoas presas em flagrante no Estado




COMPARTILHE

Os dois dias de operação Bairro Seguro resultaram na prisão de 104 pessoas em flagrante em Mato Grosso. A ação integrada teve início na sexta-feira (27.01) nos 141 municípios do Estado. Outras 47 pessoas foram presas em cumprimento a mandados de busca e apreensão e 48 em mandados de prisão, internação cautelar e prisão temporária.

A megaoperação resultou ainda na elaboração de 65 Termos Circunstanciados, recuperação de 16 veículos e na apreensão de nove armas de fogos e 34,4 quilos de drogas.

No município de Sinop, por exemplo, foram apreendidos 8,4 quilos de maconha. Uma das apreensões foi realizada pela equipe da Força Tática da Polícia Militar que apreendeu 6,4 quilos de substância análoga a droga após abordagem em um local utilizado para o uso e tráfico de drogas na cidade.

Os policiais haviam recebido denúncias informando que havia a possibilidade de encontrar drogas no local, que fica nas imediações do bairro Santa Rita, em Sinop. Uma pessoa foi conduzida à delegacia. Ainda durante as atividades integradas na cidade, um veículo foi recuperado e quatro armas de fogo foram apreendidas, além de quatro celulares e um veículo.

Foram cumpridos também mandados de busca e apreensão, bloqueios viários, abordagens a veículos e pessoas e fiscalizações a bares e conveniências realizadas pela Polícia Militar, Polícia Judiciária Civil, Corpo de Bombeiros Militar, Conselho Tutelar, Secretarias do Meio Ambiente, Tributos e Vigilância Sanitária.

 


Autor:AMZ Noticias com Luzia Araújo


Comentários

Notice: Undefined index: envio in /home/jornalda/public_html/2018/noticia.php on line 212
O Jornal da Notícia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Jornal da Notícia Para reproduzir as matérias é necessário apenas dar crédito ao Jornal da Noticia

<