Quinta-Feira, 21 de Novembro de 2019

Cerca de 57% das vítimas de trânsito em Cuiabá são usuárias de motocicletas




COMPARTILHE

Uma análise dos acidentes fatais de trânsito em Cuiabá, feita pelo Programa Vida no Trânsito (PVD) identificou que 57,1% das vítimas são condutores e passageiros de moto, 31,6% são condutores e passageiros de carro, 7,1% são pedestres e 4,1% são condutores de bicicleta. Os dados são de 2015.

Para orientar o condutor, o Departamento Estadual de Trânsito (Detran-MT) desenvolveu, por meio da Coordenadoria da Escola Pública de Trânsito (CEPT), o curso de pilotagem defensiva com o Programa Motociclista Vivo. “A capacitação leva o condutor a uma reflexão sobre sua atitude e motiva a adoção de uma postura segura no trânsito. Além disso, destacamos a importância do uso dos equipamentos de segurança, as relações interpessoais e o respeito às normas de trânsito para viver mais e com qualidade de vida”, explica a coordenadora da CEPT, Vânia Ramalho.

Na análise, o programa identificou que as principais causas dos acidentes foram velocidade excessiva, conduzir sob efeito de álcool e sem possuir a Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Com o treinamento, a intenção é sensibilizar os motociclistas a adotarem condutas seguras no trânsito aprimorando as técnicas de frenagem, pilotagem em diferentes tipos de solo, postura correta e as consequências do excesso de velocidade. O curso conta com certificado de cinco horas aula para os participantes que tiverem 100% de frequência. E é destinado a empresas, órgãos públicos e sociedade organizada.

SINOP - Um motociclista identificado como Tiago Ramos de Azevedo, de 19 anos, morreu, na noite da última terça-feira, após colidir a motocicleta que pilotava contra uma carreta, na BR-163, no município de Sinop (503 quilômetros, ao Norte de Cuiabá).

Conforme informações da Concessionária Rota do Oeste, os dois veículos seguiam sentido sul de Mato Grosso, quando o motorista da carreta reduziu para fazer uma conversão em um trevo que dá acesso ao Bairro Jardim América.

O motociclista não conseguiu frear a tempo e colidiu na traseira da carreta. Com o impacto, a vítima foi arremessada para debaixo do veículo e teve a cabeça esmagada. A moto dele ficou totalmente destruída.

Já o motorista da carreta não teve ferimentos. Uma equipe da Perícia Oficial de Identificação Técnica (Politec) esteve no local para os primeiros levantamentos técnicos. O corpo de Tiago Ramos foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML).

 

 


Autor:Joanice de Deus com DiáriodeCuiabá


Comentários
O Jornal da Notícia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Jornal da Notícia Para reproduzir as matérias é necessário apenas dar crédito ao Jornal da Noticia

<