Quarta-Feira, 20 de Novembro de 2019

Polícia Civil divulga retrato falado do suspeito de atropelar travesti em Várzea Grande




COMPARTILHE

A Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP), da Polícia Judiciária Civil, divulgou nesta terça-feira (15.08), o retrato falado do homem, suspeito de atropelar um travesti na região do “Zero Km”, em Várzea Grande. O crime aconteceu, no último dia 23 de junho, tendo como vítima a travesti, Thiago Assunção da Costa Corrêa, 22, conhecida como "Nathália".

Na ocasião, a vítima e outra travesti estavam na rua a espera de clientes para programa sexual, quando foram abordadas por um homem em um veículo Volkswagem Gol, prata, por volta das 07h30. Em conversa com o condutor do veículo, a vítima afirmou que o preço do programa era R$ 50, porém suspeito alegou que tinha apenas R$ 17 e insistiu que ela aceitasse manter relações por esse valor.

A travesti não aceitou e saiu do local, seguindo para outra esquina junto a sua colega. Neste momento o suspeito acelerou o carro e atropelou intencionalmente a vítima e em seguida fugiu. A vítima chegou a ser socorrida, mas não resistiu aos ferimentos e morreu no dia 25 julho, em decorrência do atropelamento.

A ocorrência foi inicialmente atendida pela Delegacia de Trânsito (Deletran), porém após ficar confirmada a intenção da vítima, o caso passou a ser investigado pela DHPP, que passou a trabalhar na identificação do suspeito. Durante os trabalhos, foram realizadas diversas diligências e oitivas de testemunhas que levaram a identificação das características físicas do autor do crime.

Além do disque-denúncia via 197, as informações sobre o suspeitos podem ser passadas direto a DHPP através do telefone (65) 3901-4825 ou pelo canal exclusivo via WhatsApp (65) 9 9971-7976. Qualquer pessoa pode auxiliar as investigações da DHPP. O sigilo é absoluto.

 


Autor:AMZ Noticias com Assessoria


Comentários
O Jornal da Notícia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Jornal da Notícia Para reproduzir as matérias é necessário apenas dar crédito ao Jornal da Noticia

<