Sexta-Feira, 25 de Setembro de 2020

Estudo mostra o tempo necessário para uma relação sexual satisfatória




COMPARTILHE

De acordo com uma vendedora de brinquedos para adultos da loja on-line Lovehoney, ao entrevistar 4,4 mil clientes, eles descobriram que o sexo para a maioria dos casais heterossexuais dura em média 19 minutos: 10 minutos de carinhos e 9 de sexo.

Além disso, a enquete mostrou que 52% dos casais entrevistados estão satisfeitos com o tempo, mas 23% dos homens e 19% das mulheres disseram que o tempo gasto é insuficiente, apesar de passarem mais tempo na cama do que a média.

Em 2016, o Dr. Brendan Zietsch, da Universidade de Queensland, entrevistou 500 casais heterossexuais depois de quatro semanas de sexo ativo, pedindo para que medissem o tempo da duração das relações amorosas.

Estudos comprovam: juventude dá boas-vindas a novas manias sexuais

O tempo variou entre 33 segundos a 44 minutos. No entanto, na média, as relações duraram 5,4 minutos, corresponde ao momento da penetração até a ejaculação masculina, o que significa ser menos do que os indicados pelos entrevistados da Lovehoney.

O Dr. Zietsch também revelou que o uso do preservativo, circuncisão masculina ou também o país de origem não afetam a duração, acrescentando que o fator-chave do tempo gasto no ato sexual corresponde à idade, pois quanto mais velho era o casal, menos durava o sexo.

O estudo da Lovehoney também demonstrou que 75% dos homens atingem orgasmo em todas as relações sexuais, enquanto apenas 28% das mulheres chegam ao clímax. Ainda de acordo com a enquete, um orgasmo compartilhado ocorre uma a cada três vezes, mais ou menos.

 


Autor: Redação AMZ Noticias


Comentários
O Jornal da Notícia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Jornal da Noticia e um meio de comunicacao de propriedade da AMZ Ltda.
Para reproduzir as materias e necessario apenas dar credito a Central AMZ de Noticias