Segunda-Feira, 21 de Outubro de 2019

Sindicato dos Bancários de MT visita caixas atacados e cobra atuação dos bancos no estado




COMPARTILHE
O presidente do Sindicato dos Bancários de Mato Grosso (SEEB-MT), Arilson da Silva, esteve na manhã desta segunda-feira (05) nos mais recentes cenários de ataques a caixas eletrônicos deste final de semana. O primeiro local foi o banco Bradesco da Avenida Fernando Correia, e o segundo foi no Posto de Autoatendimento do Santander na Subprefeitura de Cuiabá.
No banco Bradesco, a ação ocorreu no sábado (03) onde houve a tentativa de arrombamento a um dos caixas eletrônicos. De acordo com o presidente do SEEB-MT, Arilson da Silva, ainda nesta segunda-feira (05) era possível sentir o forte cheiro de queimado dentro do autoatendimento da agência.
Já no posto de autoatendimento que fica na Subprefeitura de Cuiabá, próximo à agência do Bradesco que sofreu ação criminosa, os alvos dos criminosos foram dois caixas do Santander, nesta segunda-feira (05). Os bandidos não conseguiram arrombar os caixas com explosivos e no local foi deixada uma banana de dinamite. Esta é a segunda ação com dinamite realizada neste mesmo local em 2012.
“É lamentável que a onda de ataques a caixas eletrônicos aumenta em Mato Grosso. Somente neste fim de semana foram três. Os bancos devem investir mais em segurança para conter estas ações, há necessidade de se investir para aumentar as dificuldades para a prática criminosa. Os bandidos encontram facilidades em arrombar os caixas, por isso lutamos para que haja atuação efetiva dos bancos, mais investimentos em segurança, como por exemplo, monitoramento eletrônico por câmeras nas agências e caixas eletrônicos”, diz o presidente.
De acordo com levantamento do SEEB-MT, Mato Grosso registra 113 ataques a caixas eletrônicos, entre assaltos e tentativas. Os ataques a bancos no Estado já somam 64.


Autor:Marcela Brito


Comentários

Notice: Undefined index: envio in /home/jornalda/public_html/2018/noticia.php on line 212
O Jornal da Notícia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Jornal da Notícia Para reproduzir as matérias é necessário apenas dar crédito ao Jornal da Noticia

<