Segunda-Feira, 24 de Janeiro de 2022

Prefeitos seguem para Suiá-Missú nesta terça-feira em última tentativa de evitar despejo




COMPARTILHE

Os prefeitos do Norte Araguaia vão se reunir nesta terça-feira (4) no Posto da Mata, no distrito de Estrela do Araguaia, para mais uma tentativa de evitar o despejo das famílias instaladas na gleba Suiá-Missú. O prefeito de São Felix do Araguaia, Filemon Limoeiro, não quis adiantar que medida os produtores rurais da Suiá pretendem tomar para evitar a desocupação prevista para começar na quinta-feira (6).
Filemon disse que teme que o despejo realmente venha acontecer. “Se fosse para ter um acordo já teria acontecido. Agora nós dependemos de um ato de clemência da presidente Dilma ou do presidente do Supremo Joaquim Barbosa”, frisou. A expectativa é que o presidente do Supremo venha suspender a retirada dos posseiros.
Existe a especulação de que os produtores rurais estariam articulando uma interdição da BR 158 para essa terça ou no mais tardar na quarta-feira. “Eu não sei desse bloqueio, mas minha preocupação é que haja conflito com a retirada”, completou Filemon que acredita que os produtores vão resistir à desocupação.
O Exército, com mais de 150 homens armados, está com base militar em Alto Boa Vista, aguardando a ordem para entrar. Os primeiros produtores notificados devem sair a partir desta quinta-feira. De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia Estatística (IBGE) e o Incra, cerca de 2500 pessoas estão na demarcação indígena Xavante Marãiwatsédé, mas os produtores defendem que cerca de 7000 pessoas vivem no local.


Autor: Olhar Direto


Comentários
O Jornal da Notícia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Jornal da Noticia e um meio de comunicacao de propriedade da AMZ Ltda.
Para reproduzir as materias e necessario apenas dar credito a Central AMZ de Noticias