Segunda-Feira, 27 de Maio de 2019

Movimento empresarial quer reduzir peso tributário de Mato Grosso e destravar a economia




COMPARTILHE

Representantes do setor empresarial lançam nesta segunda-feira (1º) em Mato Grosso o Movimento Brasil 200, com o objetivo de reduzir a burocracia, o peso do Estado sobre os investimentos, elevar o nível de emprego e destravar a economia.  

O ato inaugural, na Fecomércio, será marcado por uma palestra da deputada federal Joice Hasselman (PSL), líder do Governo Jair Bolsonaro na Câmara e presidente do movimento no Brasil. Em Cuiabá, o Movimento Brasil 200 é encabeçado pelos empresários Junior Macagnan, Gustavo Nascimento e Fernando Medeiros.

Um dos idealizadores do evento desta segunda-feira, Macagnam conta que a ideia é divulgar e fortalecer as ideias do liberalismo econômico em Mato Grosso. “Precisamos fazer com que as pessoas entendam que o Estado não cria dinheiro. Quem cria dinheiro são os empreendedores, é quem investe. As pessoas têm que ter essa noção”, disse o empresário.

Na última semana, a presidente do movimento articulou e conseguiu criar a Frente Parlamentar do Movimento Brasil 200. Segundo Macagnam, Joice Hasselman promete em Cuiabá, no dia da mentira, "contar todas as verdades sobre o Brasil”.“Coincidentemente ela é líder do Governo no Congresso, em um momento delicado para o Brasil. Nós precisamos aprovar essas reformas, precisamos aprovar a Reforma da Previdência, Tributária... Hoje nós temos mais 80 taxas e impostos no Brasil. É preciso acabar com esse emaranhado”.  

A ideia do movimento é de que em 2022, ano em completa 200 anos de independência da Coroa Portuguesa, o Brasil esteja livre das amarras do estatismo. “Menos estado, combate à corrupção, e abertura de empresas. Menos imposto, mais liberdade, mais emprego”, destacou o empresário.

O Movimento Brasil 200 surgiu no ano passado nos Estados Unidos, durante a NRF, que é o maior evento de varejo do Mundo, onde são expostas todas as novidades e cases do setor. Na edição de 2018, empresários de peso na economia nacional, como Flávio Rocha, das lojas Riachuelo, e Luíza Trajano, da Magazine Luiza, decidiram iniciar uma mobilização dando início do movimento.

"Por que Brasil 200? É que em 2022 e nós queremos trazer a indenpendência econômica para os brasileiros, para as empresas brasileiras", disse Macganam. A palestra, denominada “Desafios da Reconstrução do Brasil”, será ministrada pela deputada Joice Hasselman na sede da Fecomércio, na Avenida do Historiador Rubens de Mendonça (do CPA), às 18h30. O evento é gratuito.


Autor:AMZ Noticias com Mídia News


Comentários

Notice: Undefined index: envio in /home/jornalda/public_html/2018/noticia.php on line 212
O Jornal da Notícia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Jornal da Notícia Para reproduzir as matérias é necessário apenas dar crédito ao Jornal da Noticia

<