Sábado, 17 de Agosto de 2019

Pesquisa mostra que apenas 32% dos brasileiros aprovam o governo Bolsonaro no momento




COMPARTILHE

O presidente Jair Bolsonaro é aprovado por somente 32% dos brasileiros de acordo com uma pesquisa feita pelo instituto Datafolha e publicada na edição deste domingo (7) no jornal Folha de São Paulo. Essa é pior avaliação para um presidente da República em primeiro mandato desde 1990.

Segundo o Datafolha, 32% consideram o governo de Bolsonaro ótimo ou bom. 33% dos entrevistados consideram o mandato regular e, na opinião de 30%, o governo é ruim ou péssimo.

A pesquisa também questionou os entrevistados sobre outros aspectos de Bolsonaro. Para 50%, o presidente trabalha pouco. 42% consideram que Bolsonaro trabalha muito. 28% dos entrevistados acham o presidente muito inteligente e 39% o consideram pouco inteligente. Ainda segundo a publicação, 52% consideram Bolsonaro preparado, 44% consideram o presidente despreparado e 37% acham o presidente autoritário.

A porcentagem de pessoas que acreditam que a situação econômica do país vai melhorar nos próximos meses, que era de 65% em dezembro, caiu para 50%. A parcela daqueles que esperam que a situação da economia piore saiu de 9% para 18%.

Em seu perfil no Twitter, o presidente fez uma postagem ironizando o resultado da pesquisa com uma foto em que ele é considerado menos inteligente do que os ex-presidentes Lula e Dilma Rousseff. Em outra publicação, Bolsonaro postou um vídeo com crianças e junto ao povo. A legenda do vídeo dizia: “Depois de o Datafolha publicar que "Lula e Dilma são mais inteligentes do que Bolsonaro", um pouco de como o povo me trata”.

Depois de o Datafolha publicar que "Lula e Dilma são mais inteligentes do que Bolsonaro", um pouco de como o povo me trata: A pesquisa ouviu 2.086 pessoas maiores de 16 anos, em 130 municípios do país, entre os dias dois e três de abril. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos. 


Autor:Redação AMZ Noticias


Comentários

Notice: Undefined index: envio in /home/jornalda/public_html/2018/noticia.php on line 212
O Jornal da Notícia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Jornal da Notícia Para reproduzir as matérias é necessário apenas dar crédito ao Jornal da Noticia

<