Quinta-Feira, 21 de Novembro de 2019

Homem é preso após apontar arma para criança de 05 anos e fazer ameaça; Beija o bagulho




COMPARTILHE

A Polícia Civil de Votorantim (SP) investiga o vídeo em que um homem aparece apontando um revólver para uma criança e mandando ela beijar a arma. O rapaz de 23 anos foi detido na madrugada desta sexta-feira (3).

De acordo com o delegado Manoel Dini, a Polícia Militar apresentou na delegacia os homens que teriam participado do roubo de um carro encontrado na Vila São João. No endereço onde o veículo foi achado, dois homens fugiram e um terceiro confessou o crime.

O rapaz detido também apontou o esconderijo onde estavam dois revólveres. Neste local os policiais encontraram dois suspeitos. Os vídeos foram achados no celular de um deles. No celular do suspeito, que não será identificado para que a criança seja preservada, a polícia encontrou dois vídeos, aos quais o G1 teve acesso. Na primeira gravação aparece um menino, de aparentemente cinco anos, que aponta uma arma para quem está filmando e fala que "vai matar".

"O moleque é 'zica' mesmo", diz o rapaz que faz a gravação. O outro vídeo mostra o suspeito de participar do roubo segurando uma arma, enquanto o rapaz que filma fala: "Atira nele, atira nele". O menino fica assustado com as ameaças e começa a choramingar. Em seguida, o homem com o revólver nas mãos dá ordem ao menino: "Beija o bagulho", obrigando-o a beijar o cano do revólver duas vezes.

Logo depois ele puxa o cabelo do menino e dá um tapa. O vídeo termina com a criança correndo.A arma que aparece no vídeo se assemelha à que foi usada no roubo ao veículo, e que foi apreendida pela polícia junto com outro revólver. A testemunha não reconheceu o dono do celular como envolvido no roubo do veículo. No entanto, os vídeos serão apurados por um inquérito aberto no 2º Distrito Policial. O homem que aparece nas imagens responderá em liberdade.


Autor:AMZ Noticias com G1


Comentários
O Jornal da Notícia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Jornal da Notícia Para reproduzir as matérias é necessário apenas dar crédito ao Jornal da Noticia

<