Sexta-Feira, 18 de Outubro de 2019

Ação rápida do diretor da cadeia publica na cidade de Vila Rica impede fuga de presos




COMPARTILHE
A cadeia pública do município de Vila Rica tem capacidade para comportar 40 presos no regime fechado, atualmente está com 48, sendo 06 mulheres. No sistema semi-aberto, são 22 reeducandos. Nesse sistema, eles saem às 06 horas para trabalharem e retorna às 19 horas, de segunda a sexta-feira, exceto sábado, domingo e feriados.
As condições da cadeia de Vila Rica, como da maioria no país, não oferecem condições adequadas para o processo de reinserção dos presos. Outro problema sério é o ambiente de trabalho dos agentes carcerários, que trabalham em ambiente insalubre, além de ameaças sofridas.
Não bastasse esses problemas, na tarde de sábado, 19 de janeiro, o diretor da cadeia pública Olair Virgilio descobriu alguns reeducandos estavam planejando uma fuga programada para ser realizada na segunda-feira, dia 21/01. De imediato, o diretor acionou o grupo de operações especiais do sistema penitenciário do município de Àgua Boa.
Durante a intervenção do grupo no domingo dia 20, por volta das 15 horas, foram encontrados em poder dos presos, celulares, chuchos, armas artesanais, pedaços de laminas de serra, cachimbo para uso de entorpecentes, chips de aparelhos celulares, e duas gramas de substância de entorpecentes de droga não identificada.
Após a intervenção do grupo de operações especial do sistema penitenciário, seis detentos foram transferidos para a penitenciária de Água Boa. Em entrevista ao repórter Robson Garcia, o diretor disse: ”a intervenção serve para manter a organização e a ordem carcerária, para que as organizações sociais possam vir a realizar o trabalho de ressocialização”.
Na gestão do atual diretor, os reeducandos estão recebendo atendimentos médicos por um enfermeiro padrão e por um médico da rede municipal através do sistema único de saúde (SUS).


Autor:RadCom Eldorado FM


Comentários

Notice: Undefined index: envio in /home/jornalda/public_html/2018/noticia.php on line 212
O Jornal da Notícia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Jornal da Notícia Para reproduzir as matérias é necessário apenas dar crédito ao Jornal da Noticia

<