Segunda-Feira, 17 de Janeiro de 2022

Mais de 70% da população de Santana do Araguaia questionam qualidade da Saúde e Infraestrutura local




COMPARTILHE

De acordo com resultados de uma pesquisa registrada 16 de outubro de 2020, na Justiça Eleitoral, e publicada no último dia 22, os serviços ligados ao setor da saúde de Santana do Araguaia são considerados a principal necessidade por mais de 70 % da população local.

Segundo a pesquisa, para 42,5% da população local, a saúde do município deixa a desejar e deve ser a principal prioridade do próximo prefeito, para outros 12,9% da população santanense a falta de asfalto é o maior problema da cidade, outros 12,1% entendem que a falta de infraestrutura deve ser o foco.

De acordo com dados oficiais, a atual gestão do prefeito e candidato à reeleição Jose Rodrigues Miranda, o Zé do Quinca, já recebeu mais de 50 milhões de reais do governo federal para o setor da saúde, incluindo dinheiro para o combate o Covid.

Porem, o que se vê andando pela cidade é uma tremenda falta de estrutura pois a maior parte das ruas da cidade não tem pavimentação, além da constante falta de agua tratada e obras inacabadas como a UPA, iniciada durante a gestão do ex-prefeito Eduardo Conti, o Eduardo da Machado e envolvida num tremendo imbróglio que até hoje não foi concluída e sem rumo definido.

Caminhando para ser o município com maior produção de grãos do Pará, e um dos 10 maiores produtores agrícolas do Brasil, o que se percebe é que as gestões publicas locais não conseguem acompanhar este crescimento, historicamente um mesmo grupo político se reveza na  administração da cidade  a quase 30 anos, e curiosamente nas eleições de 2020 se encontra dividido.

Para quem conhece bem a história da cidade, ainda é possível ver que as principais obras da cidade como o aeroporto e a rodoviária, ainda são frutos da primeira gestão da cidade em meados da década de 80, além deste atraso, a população sofre com a precariedade da saúde pública, em especial de hospital de qualidade, a cidade ainda convive com a falta de agua, asfalto e também de energia elétrica.

 A pesquisa foi registrada sob número PA-06670/2020, tendo como base 378 entrevistas de um total geral de 24.532 eleitores do município (TSE), foram pesquisados todos os bairros da cidade e também a zona rural nos distritos de Vila Mandi, Barreira dos Campos, Vila Cristalino e Nova Barreira.


Autor: Central AMZ de Noticias


Comentários
O Jornal da Notícia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Jornal da Noticia e um meio de comunicacao de propriedade da AMZ Ltda.
Para reproduzir as materias e necessario apenas dar credito a Central AMZ de Noticias