Terca-Feira, 22 de Outubro de 2019

Cristiano Araújo terá de pagar R$ 600 mil a ex-empresários em GO




COMPARTILHE

O juiz Paulo César Alves das Neves, da 5ª Vara Cível de Goiânia, determinou que o sertanejo Cristiano Araújo pague R$ 600 mil a seus ex-empresários. O cantor havia pedido na Justiça a rescisão do contrato de exclusividade pela dupla Cristiano e Gabriel, que ele deixou para fazer carreira solo. Cabe recurso da decisão.

O valor estipulado em caso de quebra de contrato era de R$ 7 milhões. No entanto, o magistrado diminuiu a quantia, proporcionalmente ao tempo de agenciamento dos sertanejos. A multa refere-se ainda ao ressarcimento das despesas feitas pelos três empresários que agenciavam a dupla.

Na decisão, Neves argumentou que "o acordo existente entre as partes exprime manifestação livre de suas vontades, representando ato jurídico lícito, praticado por pessoas maiores e capazes e envolvendo direito disponível". O magistrado rejeitou a alegação de Cristiano Araújo de que os empresários não cumpriram regularmente o contrato celebrado entre eles.

Segundo a assessoria do Tribunal de Justiça de Goiás, em declarações prestadas em juízo, Cristiano reconheceu que os empresários desenvolveram um trabalho para alavancar sua carreira musical. “Não há elementos nos autos capazes de conduzir à certeza que o insucesso arguido pelo autor deve ser atribuído à conduta dos réus", argumentou Neves.

O G1 tentou contato com a assessoria de imprensa da Talismã, que agencia atualmente o cantor Cristiano Araújo, mas as ligações não foram atendidas.

Ex-companheiro

Paulo César Alves das Neves também analisou o pedido de Luismar Oliveira Damascena (Gabriel), ex-parceiro de dupla de Cristiano. Ele pediu que o sertanejo pagasse multa de R$ 1,7 milhão pela quebra do contrato.

O juiz entendeu que ele não faz jus ao benefício, uma vez que a cláusula foi estabelecida para que a parte infratora efetue o pagamento em favor de outra parte. “Ora, no presente caso, Luismar e Cristiano integravam a mesma parte que o autor, ou seja, a dos artistas, enquanto que os demais réus eram os empresários”, destacou.

Cristiano e Gabriel chegaram a gravar um CD, em 2008. O álbum reuniu 10 músicas cantadas pelos jovens sertanejos. A reportagem tentou contato com o cantor Gabriel, mas não conseguiu.

Perfil

Cristiano Araújo é goiano e começou a carreira aos 9 anos. De família de músicos, ele foi emancipado aos 10 para poder tocar em bares de Goiânia.

Começou a fazer sucesso em 2011, com a música Efeitos, gravada com o também sertanejo Jorge, da dupla Jorge e Matheus.Mas sua carreira tomou uma proporção bem maior depois que ele foi preso por causa do barulho em uma festa na casa onde morava, em um condomínio de luxo da capital goiana, em agosto do ano passado.

Por causa do barulho de uma festa que dava na casa onde morava, em um condomínio de luxo da capital goiana, um juiz que era vizinho do cantor chamou a polícia. Ele foi algemado e levado para a delegacia, onde prestou esclarecimentos e acabou liberado horas depois. Após ter sido detido, o sertanejo virou destaque nos noticiários.

Na época, ele lamentou o ocorrido dizendo que “foi humilhante” e que se sentia “perseguido”. Meses depois, em entrevista ao G1, disse que o incidente teve um lado positivo: “Acabou que foi bacana porque eu ganhei uma mídia no Brasil inteiro e até as pessoas que não me conheciam passaram a conhecer”.


Autor:G1


Comentários

Notice: Undefined index: envio in /home/jornalda/public_html/2018/noticia.php on line 212
O Jornal da Notícia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Jornal da Notícia Para reproduzir as matérias é necessário apenas dar crédito ao Jornal da Noticia

<