Segunda-Feira, 24 de Janeiro de 2022

Anatel fiscaliza Rádio Comunitária Eldorado de Vila Rica após denuncia




COMPARTILHE

A Rádio Comunitária Eldorado FM, emissora líder de audiência em Vila Rica, e principal concorrente do grupo de comunicação ligado ao Governador Silval Barbosa, recebeu na quinta-feira (27) pela manhã, a visita dos fiscais da Anatel, Carlito Ferreira do Nascimento e Francisco de Assis da Silva.

O motivo mais uma vez foi “denúncia anônima”,  seno esta a  segunda denúncia em menos de um ano, porém pela segunda vez a Rádio Comunitária Eldorado FM recebe “carta branca” da fiscalização.

“Se alguém vier perguntar pode falar que tá tudo certo, foi eu que falei” disse um dos fiscais ao se despedir.

A emissora ao longo desses, mais de dez anos, vem trabalhando com toda sua equipe a cada dia pela qualidade, transparência, ética e principalmente pela verdade, sem distinção político, religioso, étnico, gênero, cor ou raça onde o foco principal é a Comunidade como um todo, por isso ela é “A voz da Comunidade”.

E a verdade dói, e talvez esse tenha sido o motivo das denúncias. Em direito, é consabido que, “alegar e não provar é o mesmo que não alegar (melhor seria se ficasse calado)”, o certo é que a cada dia a Rádio Comunitária vem buscando minimizar os problemas que afetam nossa população dando voz e vez àqueles que estão excluídos ou às margens da sociedade.

Para isso temos levado ao ar diariamente além da boa música e entretenimento, levado o conhecimento, a notícia, a informação e a denúncia de tudo aquilo que avaliamos que corrompe a dignidade e cidadania de nosso público.  

 Ficam as perguntas;

- Quem da comunidade vilariquense tem interesse em fechar a Rádio Comunitária?

- Porque não denunciar (para a Anatel) o péssimo serviço de telefonia móvel que nos é prestado ao Norte Araguaia?

- Porque não denunciar (para a Anatel) a péssima, fraca e lenta internet que é prestada ao Norte Araguaia?

“A Justiça só vive da prova. Só o arbítrio se alimenta do monstro da presunção. A dúvida é a certeza dos loucos. Esses são julgados, não julgam.” Souza Neto.

O que é uma Rádio Comunitária

Trata-se de radiodifusão de sons, em frequência modulada (FM), de baixa potência (25 Watts), que dá condições à comunidade de ter um canal de comunicação inteiramente dedicado a ela, abrindo oportunidade para divulgação de suas idéias, manifestações culturais, tradições e hábitos sociais.

As entidades detentoras de outorga para execução do serviço de radiodifusão comunitária devem ser abertas à participação de todos os residentes na área de cobertura da rádio, bem como a sua programação deve ser aberta à participação da sociedade.

Vale ressaltar também, que os bons trabalhos prestados pela Associação Alvorada, detentora dos direitos de radiodifusão comunitária da emissora, a credenciaram para ser uma das primeiras rádios comunitárias legalizadas do Brasil.


Autor: Jornal da Noticia com Assessoria


Comentários
O Jornal da Notícia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Jornal da Noticia e um meio de comunicacao de propriedade da AMZ Ltda.
Para reproduzir as materias e necessario apenas dar credito a Central AMZ de Noticias