Segunda-Feira, 06 de Julho de 2020

Programa social Qualifica Mato Grosso já beneficiou mais de 12 mil pessoas




COMPARTILHE

A qualificação profissional é requisito indispensável para quem deseja avançar profissionalmente. Com esse propósito, o Governo de Mato Grosso, por meio da Secretaria de Estado de Trabalho e Assistência Social, tem investido em programas que possibilitem melhores condições de emprego ao trabalhador.

Abrangendo todo o Estado, o projeto Qualifica MT já atendeu mais de 12 mil pessoas, desde que foi criado em 2008. A ação governamental é executada em 107 municípios, ofertando um total de 6,4 mil vagas em diversas áreas.

Entre os cursos mais procurados estão o de Bilíngue em Língua Inglesa, Bilíngue em Língua Espanhola, Garçom, Atendente Comercial, Telefonista, Recepcionista e Operador de Telemarketing e Auxiliar Administrativo.

Para Corina Braga (60), moradora de Cuiabá, o curso de Pintura e Tecido contribuiu para realização de um sonho de pintar profissionalmente. “Logo que iniciei o curso, já comecei a pintar com muita facilidade, e hoje já estou pensando em montar uma cooperativa junto com as outras meninas. Nosso principal objetivo é pintar em tecido para vender no meu bairro e regiões mais próximas, aumentando assim a renda da minha família”, conta.

Os cursos possuem carga horária média de 200 horas/aula e duração média de três meses. O conteúdo é ministrado de forma teórica e, posteriormente, prática, possibilitando que o aluno esteja apto e treinado para as oportunidades ofertadas no mercado de trabalho.

De acordo com a primeira-dama e secretária da Setas-MT, Roseli Barbosa, investir em qualificação profissional é prioridade do atual governo, levando em consideração os esforços concentrados no combate à extrema pobreza, um dos eixos do plano Mato Grosso Sem Miséria. “A qualificação profissional é um diferencial para o trabalhador que busca melhores oportunidades.

Por isso, o Poder Executivo Estadual está empenhado na execução de cursos de qualificação em todo Estado, com resultados positivos, aumentando a empregabilidade e geração de renda local”, concluiu.


Autor: TatianaMedeiros - Jornal da Noticia


Comentários
O Jornal da Notícia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Jornal da Noticia e um meio de comunicacao de propriedade da AMZ Ltda.
Para reproduzir as materias e necessario apenas dar credito a Central AMZ de Noticias