Quarta-Feira, 05 de Agosto de 2020

Silval Barbosa enfrenta protesto da Unemat na visita a região do Araguaia




COMPARTILHE

Durante lançamento de obras do programa de pavimentação MT Integrado, o governador Silval Barbosa (PMDB) enfrentou o protesto de servidores técnicos-administrativos da Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat) que estão em greve desde segunda-feira (15).

As manifestações foram registradas pelo menos em Alto Araguaia e Nova Xavantina, na região do Araguaia.

De acordo com o presidente do Sindicato dos Servidores Técnicos da Unemat (Sintesmat), Luiz Wanderlei dos Santos, os manifestos fazem parte do programa de ações que se estenderam pelos 11 campi distribuídos nas cidades de Tangará da Serra, Barra do Bugres, Sinop, Alta Floresta, Alto Araguaia, Colíder, Luciara, Juara e Nova Xavantina, além de Pontes e Lacerda.

No caso de Nova Xavantina e Alto Araguaia, servidores foram com cartazes pedindo apoio às reivindicações durante as solenidades realizadas nas câmaras municipais dos dois municípios por conta do programa MT Integrado.mais municípios, a manifestação foi feita em vias públicas, como ocorreu em Cáceres, onde está localizada a sede da universidade. Já em Nova Xavantina, o governador se pronunciou publicamente pela primeira vez sobre a paralisação, conforme se pode ver no vídeo abaixo, publicado na internet por um dos dirigentes do Sintesmat.

MAIS PROMESSAS 

Conforme se pode ver no vídeo, o governador Silval Barbosa prometeu na tarde dessa terça-feira (16) atender as reivindicações da categoria. Os 503 servidores da Unemat paralisaram as atividades por tempo indeterminado.

Sobre a autonomia administrativa e financeira da Universidade, o governador alega que foi o responsável por enviar projeto de lei à Assembleia Legislativa garantido o pleito, o que já foi aprovado pelos deputados estaduais. Em relação à nomeação dos aprovados no último concurso público, ele diz que isso depende da programação da reitoria.

Já em relação ao tema mais polêmico (revisão do PCCS), Silval ressalta que a Secretaria de Estado de Administração (SAD) avalia o assunto e as propostas para implementação das mudanças no Plano de Cargos, Carreiras e Salários serão enviadas para apreciação da Assembleia Legislativa após o fim do recesso parlamentar, ou seja, início do mês de agosto.

O reitor da Unemat, Adriano Silva, afirmou em entrevista ao site HiperNotícias que o orçamento da Universidade (R$ 211 milhões em 2013) é suficiente para arcar com as despesas, mas depende de liberação do orçamento contingenciado do Estado.

MT INTEGRADO

Silval enfrentou os protestos durante lançamento de obras do programa MT Integrado, um dos maiores projetos de infraestrutura da gestão. Além de tirar um pouco o brilho das solenidades que ocorreram nessa segunda e terça-feira no Araguaia, as manifestações marcam a posição dos servidores e reforçam críticas na área de educação ao mesmo tempo em que o chefe do Executivo amplia cursos da Unemat em várias cidades e estreou o curso de Medicina em Cáceres. O mais curioso é que a administração tem como mote a defesa das áreas sociais.


Autor: HiperNoticias


Comentários
O Jornal da Notícia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Jornal da Noticia e um meio de comunicacao de propriedade da AMZ Ltda.
Para reproduzir as materias e necessario apenas dar credito a Central AMZ de Noticias