Segunda-Feira, 25 de Maio de 2020

Prostitutas mineiras fecham convnio para receber com cartes por "horas trabalhadas"




COMPARTILHE

A CEF (Caixa Econômica Federal) firmou convênio com a Associação de Prostitutas de Minas Gerais e, reconhecendo essas profissionais como autônomas, irá permitir que elas possam receber pelos programas por meio de cartão de débito e crédito. Os programas, inclusive, poderão ter seus pagamentos parcelados.

Segundo a presidente da Associação de Prostitutas, Maria Aparecida Vieira, a Cida, 46, 20 garotas de programas de Belo Horizonte já abriram conta na CEF e devem receber as máquinas para debitar e creditar os valores dos programas ainda neste mês.

"Para ter acesso aos benefícios, as meninas de Minas Gerais, precisam fornecer documentos básicos, como carteira de identidade e comprovante de endereço à associação. Depois do cadastro, as meninas são orientadas a abrir conta corrente na Caixa. Pelo acordo, travestis e transexuais, filiados, podem também participar", afirmou a presidente. Cida Vieira afirma que o convênio foi feito em outubro, mas divulgado somente nesta terça-feira (5).

A assessoria da Caixa informou que, com o convênio, as prostitutas e travestis que fazem programas remunerados, terão o mesmo tratamento de outras categorias de autônomos.

Além da possibilidade de receber por meio de cartão, as prostitutas terão também cobertura de previdência social, aposentadoria por idade e invalidez, auxílio doença, salário maternidade, pensão por morte, auxílio reclusão, custo zero para formalização, imposto zero para o governo federal e talões de cheque, cheque especial e dinheiro para capital de giro.

"Com os benefícios ficará mais fácil receber dos clientes, além de ajudar, e muito, na questão da segurança. Sempre andamos com dinheiro e isso facilita a ação dos assaltantes", diz.

"Podendo pagar com cartão, o cliente que quer estender o programa mas está sem dinheiro, vai poder ficar com a menina por mais tempo sem nenhum transtorno. Com isso, o número de programas e o lucro das prostitutas devem aumentar", afirma Cida Vieira.


Autor:UOL


Comentários:

Notice: Undefined index: envio in /home/jornalda/public_html/2018/noticia.php on line 222
O Jornal da Notcia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Jornal da Noticia e um meio de comunicacao de propriedade da AMZ Ltda.
Para reproduzir as materias e necessario apenas dar credito a Central AMZ de Noticias


Notice: Undefined variable: rsDestaque1 in /home/jornalda/public_html/2018/noticia.php on line 346

Warning: mysql_free_result() expects parameter 1 to be resource, null given in /home/jornalda/public_html/2018/noticia.php on line 346

Notice: Undefined variable: rsDestaque2 in /home/jornalda/public_html/2018/noticia.php on line 348

Warning: mysql_free_result() expects parameter 1 to be resource, null given in /home/jornalda/public_html/2018/noticia.php on line 348

Notice: Undefined variable: rsUltimas1 in /home/jornalda/public_html/2018/noticia.php on line 350

Warning: mysql_free_result() expects parameter 1 to be resource, null given in /home/jornalda/public_html/2018/noticia.php on line 350

Notice: Undefined variable: rsUltimas2 in /home/jornalda/public_html/2018/noticia.php on line 352

Warning: mysql_free_result() expects parameter 1 to be resource, null given in /home/jornalda/public_html/2018/noticia.php on line 352