Sábado, 16 de Novembro de 2019

Muvuca critica o ‘teatro de mau gosto’ e o ‘rolezinho’ de helicóptero de senador




COMPARTILHE

Único pré-candidato ao governo do estado que não participou do lançamento da safra de soja 2014 em Lucas do Rio Verde com a presidente Dilma Roussef, o jornalista José Marcondes Muvuca classificou o evento como ‘teatro de mau gosto’, uma vez que, segundo ele, se festejava ali o banquete dos milionários do agronegócio enquanto o povo vaiava do lado de fora.

“Teve de tudo, até oposicionista que virou amiguinho da presidente em troca de um rolezinho de helicóptero” – disparou Muvuca, referindo-se ao senador Pedro Taques, que a todo momento faz discurso de oposição mas está buscando se ‘acertar’ com a situação. “Como é que os sites e jornais podem apontar um político com essa postura dúbia e incoerente se dizendo a única voz da oposição ao governo estadual ou federal, o que ele tem a dizer pra seus eleitores?” – questionou o jornalista.

O evento contou com a presença de grande parte dos políticos e pré-candidatos às eleições deste ano, menos a do jornalista Muvuca que, de acordo com o próprio, não poderia estar de ‘convescote’ com o setor a quem acusa de não pagar imposto através da desoneração da Lei Kandir. “Se o agronegócio faz tanto assim, porque tinha gente vaiando? Porque tinha protesto dos funcionários dos correios? Porque reclamavam das estradas esburacadas? Se eu estivesse lá iria estar ao lado dos trabalhadores, minha candidatura está aí para denunciar essa farsa. Já disse e reafirmo, não sou candidato para frequentar o banquete dos barões enquanto o povo estiver comendo apenas as migalhas que sobram da mesa” – protestou o jornalista.

Pesar

Durante a madrugada e todo o dia desta terça, José Muvuca esteve velando o corpo do tio-primo, Nivaldo Queiroz, jornalista e sindicalista que faleceu na tarde da última segunda, em decorrência de um câncer no pulmão.


Autor:Jornal da Noticia com Assessoria


Comentários
O Jornal da Notícia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Jornal da Notícia Para reproduzir as matérias é necessário apenas dar crédito ao Jornal da Noticia

<