Terca-Feira, 09 de Agosto de 2022

Polícia Civil cumpre nove mandados de busca e prende dois em Nova Xavantina




COMPARTILHE

A operação integrada “Xavantina”, deflagrada pela Polícia Judiciária Civil na quinta-feira (27.02), em Nova Xavantina (645 km a Leste de Cuiabá), resultou no cumprimento de nove mandados de busca e apreensão e na prisão em flagrante de duas pessoas.

Foram presos Luan dos Santos Meira, 22, por tráfico de drogas e associação para o tráfico; Júlio Carmo da Costa, 36, por posse de munição de uso permitido e de uso restrito. Ainda durante as buscas, foram apreendidas 24 “cabecinhas” de pasta-base de cocaína, totalizando cerca de 263 gramas, 46 munições calibre 22, um cartucho calibre 38 e uma munição calibre 7.62. Também foi lavrado um termo circunstanciado de ocorrência contra Maurício Camacho, 35, por uso ilícito de drogas.

A operação contou com o trabalho conjunto das Delegacias de Ribeirão Cascalheira, Canarana, Água Boa e de Campinápolis e recebeu o apoio da Polícia Militar. Segundo o delegado titular da Delegacia de Polícia de Nova Xavantina, Marcos Aurélio Dias Leão, o objetivo era reprimir o comércio ilegal de drogas realizado por uma organização criminosa investigada há cerca de um ano pela Unidade.

 “As investigações revelaram que esta organização possuía ramificações em diversas cidades de Mato Grosso e de Mato Grosso do Sul, e vários membros presos em flagrante durante outros trabalhos policiais precedentes à operação”, destacou.

O delegado Marcos informou que as investigações também visavam apurar o envolvimento de policiais no tráfico de drogas. “Recebi uma denúncia oriunda de Ouvidoria do Estado de Mato Grosso, de que quatro servidores da segurança atuavam no comércio ilícito de entorpecentes”, lamentou o delegado.

Conforme o delegado, as investigações revelaram que eram dois policiais que tinham desvio de conduta. “Um deles, lotado em Nova Xavantina, em princípio, envolvido no tráfico, e outro, lotado em Água Boa, no uso de drogas”, detalhou Marcos.  

De acordo com o delegado, o comportamento criminoso dos policiais será repreendido, não só criminal, como administrativo-disciplinar, pois a instituição policial não compactua com esse tipo de atitude. “É inadmissível o envolvimento de agentes da lei com delinquentes, pois coloca em risco a credibilidade da polícia perante o corpo social”, destacou Marcos.

O delegado Marcos Leão, que coordenou a operação, considerou positivo o resultado alcançado. “O trabalho desenvolvido propiciará uma sensação de segurança à população, visto que a maiorias dos usuários de drogas praticam crimes como furtos e roubos e ainda que, os traficantes são os maiores receptadores desses objetos”, finalizou.

Depois de cumpridas as formalidades de praxe, os autuados foram encaminhados à Unidade Prisional de Nova Xavantina, onde se encontram à disposição da Justiça.


Autor: JornaldaNoticia com Pâmela Porfírio


Comentários
O Jornal da Notícia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Jornal da Noticia e um meio de comunicacao de propriedade da AMZ Ltda.
Para reproduzir as materias e necessario apenas dar credito a Central AMZ de Noticias