Quarta-Feira, 20 de Novembro de 2019

José Riva diz que Aécio não esta preparado e vitória de Dilma confirma avanços




COMPARTILHE

A vitória da presidente Dilma Rousseff (PT) no segundo turno da eleição ocorrida neste domingo (26) foi avaliada pelo deputado estadual José Riva (PSD) como a confirmação dos avanços na condição de vida dos brasileiros nos últimos 12 anos.

De acordo com o parlamentar, que é secretário-geral do PSD, a classe “C”, “D” e “E” definiu a eleição.

“O resultado acabou confirmando aquilo que estávamos avaliando em nível nacional, a vitória das classe sociais mais baixas em virtude dos avanços ocorridos em programas sociais como o Bolsa Família, Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), Minha Casa Minha Vida, além de ampliação nos ensinos técnicos profissionalizantes e universidades públicas”, argumentou.

Riva lembrou que apesar da derrota em Mato Grosso da presidente reeleita, onde obteve 45,33% dos votos válidos, 864.999 mil votos a menos do que o concorrente, Aécio Neves (PSDB), que conquistou 54,67% do eleitorado mato-grossense, Dilma Rousseff venceu em cidades importantes como Várzea Grande e Cáceres.

A eleição desse ano para a Presidência da República foi a mais acirrada da história do país, onde Dilma teve 51,64%, contra 48,36% de Aécio. Apesar da vitória apertada da candidata do PT, Riva não acredita que haverá um “racha” no país.

“Temos que enaltecer a democracia que mostra avanços, não acredito nessa história de que o Brasil vai rachar, a sociedade tem o dever de assimilar o resultado da eleição, que foi transparente e limpo. Ganhou quem conseguiu convencer a maior parcela da sociedade. O país segue em um bom caminho, mas é claro, é preciso aprimorar os programas sociais, manter a estabilidade econômica, e investir pesado em saúde e segurança pública”, disse.

GESTÃO PT - Riva lembrou que durante muitos anos, foi contra o PT, e nas duas eleições do ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva, votou nos candidatos do PSDB. “Combatia o PT na minha base eleitoral, sempre apoiei os candidatos do PSDB, nunca votei no Lula, mas votei na Dilma, principalmente em função da grande transformação que esse país passou. Além disso, não acho o Aécio Neves (PSDB) preparado para governar o país”, avaliou.

A classe média ganhou poder aquisitivo e aqueles que estavam abaixo da linha da pobreza tiveram as condições de vida melhoradas durante a gestão do PT, avaliou Riva. “É por isso que voto na Dilma, pela transformação nesse país. O governo do PT nesses 12 anos diminuiu a pobreza, muitos que estavam abaixo da linha da pobreza mudaram até para a classe média, e é preciso reconhecer isso. Meu partido em Mato Grosso não conversou com ninguém para declarar apoio à Dilma, mas fizemos essa constatação do que aconteceu no país nos últimos 20 anos, comparando os governos do PT e PSDB”.

No primeiro turno das eleições desse ano, Riva concorreu ao governo de Mato Grosso, mas depois de ter o registro de candidatura indeferido pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE), mantido pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), foi substituído pela sua esposa, Janete Riva, que obteve a terceira colocação no pleito.

À época, Riva liberou a sua base eleitoral para escolher o candidato a presidente, pois o PSD nacional apoiava Dilma, enquanto partidos que faziam parte da coligação “Viva Mato Grosso”, como Solidariedade (SD), PEN, PTN e PTC estavam ao lado de Aécio. “Naquele momento, em respeito aos nossos aliados, preferimos liberar a nossa militância para definir o candidato a presidente. Agora, como a eleição para o Governo do Estado já terminou, estivemos apoiando a reeleição da Dilma”, argumentou.


Autor:Jornal da Noticia com Assessoria


Comentários
O Jornal da Notícia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Jornal da Notícia Para reproduzir as matérias é necessário apenas dar crédito ao Jornal da Noticia

<