Quinta-Feira, 19 de Setembro de 2019

Empresário de Santana do Araguaia faz a alegria do Natal de mais de 2.500 crianças




COMPARTILHE

O empresário santanense Humberto Alencar, decidiu se transformar em Papai Noel, nessa quinta-feira (25), e fez a alegria do dia de Natal de várias famílias, de Santana do Araguaia.  

Vestido de Papai Noel, Alencar visitou comunidades carentes para distribuir mais de 2.500 (dois mil e quinhentos) brinquedos.

A ideia surgiu quando a esposa de Alencar, a também empresaria Ilma Alencar, ouviu uma cliente dizer nos corredores de uma de suas lojas, que possivelmente, não teria condições de fazer compras de Natal para seus filhos, foi então quando o casal de empresários decidiu tornar as festas dessa e de outras famílias mais feliz.

Em cada casa, a cada encontro, uma alegria contagiante e uma forte emoção eram compartilhadas. “Meu Natal foi assim, iluminada, pois fazer o bem, distribuir amor em forma de cestas básicas e brinquedos a quem mais precisa é super gratificante! Fazer gente simples e crianças sorrirem, alimentar a fantasia do Natal, solidarizar-se com o próximo, e estar ao lado das pessoas é o verdadeiro espírito natalino”, disse Alencar.

As crianças ficam sempre felizes, ao receber os presentes, “Vesti-me de Papai Noel para fazer a alegria de quem dificilmente teve um Natal feliz, ou talvez nunca teve. É muito gratificante distribuir amor e fazer o bem. Estou realizado e mais que presenteado por Papai do Céu por me oportunizar mais uma vez este importante momento”, afirmou o empresário. 


Autor:Jornal da Noticia


Comentários

Notice: Undefined index: envio in /home/jornalda/public_html/2018/noticia.php on line 212
O Jornal da Notícia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Jornal da Notícia Para reproduzir as matérias é necessário apenas dar crédito ao Jornal da Noticia

<