Terca-Feira, 22 de Outubro de 2019

Caos no Itaú – banco demite funcionários e clientes reclamam da demora no atendimento




COMPARTILHE

A onda de demissões realizada pelo banco Itaú já está apresentando reflexos para a população de Cuiabá. As reclamações de demora no atendimento e a superlotação de agências são crescentes após medidas de corte tomadas pelo banco, apesar do seu rendimento atingir quase R$11 bilhões somente nos primeiros nove meses de 2011.

Clientes indignados com a situação procuraram o Sindicato dos Bancários de Mato Grosso (SEEB-MT) nesta semana para reclamar, além de bancários que reclamam da sobrecarga de trabalho em razão do acúmulo de atividades e maior número de clientes para atendimento. O diretor do SEEB-MT e funcionário do Itaú, Natércio Brito, esteve em algumas agências de Cuiabá e registrou a superlotação dos bancos, reclamações e a insatisfação de clientes e bancários.

Segundo o bancário, a situação do banco é de caos com bancários adoecendo com a sobrecarga de trabalho e clientes reclamando da demora no atendimento. “Há caso de bancários que ficam sem almoçar para atender a demando que aumentou devido as demissões injustificadas do Itaú. Enquanto o banco lucra bilhões, a população e os bancários sofrem as consequências da ganância do banco”, diz Natércio Brito.

Apesar das propagandas do Itaú afirmaram que tem responsabilidade social, o Sindicato dos Bancários de Mato Grosso questiona a teoria e projeta ações sindicais para que a onda de demissões não continue em 2012 e as contratações ocorram para que clientes sejam bem atendidos e funcionários trabalhem com dignidade sem sobrecarga de trabalho.


Autor:Jornal da Noticia / Marcela Brito


Comentários

Notice: Undefined index: envio in /home/jornalda/public_html/2018/noticia.php on line 212
O Jornal da Notícia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Jornal da Notícia Para reproduzir as matérias é necessário apenas dar crédito ao Jornal da Noticia

<