Segunda-Feira, 17 de Janeiro de 2022

Opositores e simpatizantes de Dilma se hostilizam no salão verde da Câmara Federal




COMPARTILHE

Manifestantes contrários e favoráveis ao impeachment da presidente Dilma Rousseff se hostilizaram nesta segunda-feira (28) no salão verde da Câmara dos Deputados. No tumulto, teve início uma espécie de "guerra de palavras de ordem".

Parte dos manifestantes foi à Câmara protestar contra o pedido de impeachment elaborado pelo Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). O presidente da entidade dos advogados, Claudio Lamachia, deve formalizar o pedido de afastamento da presidente na tarde desta segunda no departamento de protocolo da Câmara.

De um lado, simpatizantes do governo repetiam a frase "A verdade é dura, a OAB apoiou a ditadura". No outro lado, opositores da gestão petista gritavam "Fora, PT" e "Lula, ladrão". Apesar de os grupos terem ficado frente a frente, não há registro de agressões.

O grupo pró-Dilma conta com a participação de deputados e senadores do PT, entre os quais o líder do governo no Senado, Humberto Costa (PE).

Enquanto o grupo favorável ao governo protestava no Salão Verde aos gritos de "Não, vai ter golpe", pessoas que defendem o afastamento de Dilma, dentre as quais vários servidores da Câmara e deputados da oposição, se agruparam no mesmo local para pedir a saída da presidente.


Autor: Redação AMZ Noticias


Comentários
O Jornal da Notícia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Jornal da Noticia e um meio de comunicacao de propriedade da AMZ Ltda.
Para reproduzir as materias e necessario apenas dar credito a Central AMZ de Noticias