Quinta-Feira, 02 de Dezembro de 2021

Luverdense enfrenta o Corinthians nas oitavas de final da Copa do Brasil




COMPARTILHE

O Luverdense entra em campo nesta quarta-feira contra o Corinthians para defender uma invencibilidade de quase um ano no Estádio Passo das Emas, quando contabilizadas partidas por torneios nacionais.

A última derrota dentro de casa veio na Série C 2012, quando o então treinador Dado Cavalcanti escalou um time reserva para enfrentar o Treze da Paraiba. O placar terminou em 1 a 0 para o time paraibano, no dia 28 de outubro.

Desde então, o time entrou em campo nove vezes pela Série C 2013 e Copa do Brasil. O retrospecto é favorável: são oito vitórias e apenas um empate. Foram 23 gols marcados e apenas três sofridos. A força dentro de casa é considerada um dos trunfos da equipe, segundo o zagueiro e capitão Zé Roberto.

 Treinamos aqui no estádio e conhecemos bem o local. A torcida também tem comparecido cada vez mais e nos passam uma força muito grande. Nossos adversários sabem que irão encontrar dificuldades aqui. O Bahia mesmo mandou o time reserva e achou que seria fácil – disse o capitão Zé Roberto.

Luverdense e Corinthians jogam nesta quarta-feira, às 21h50 (de Brasília), pelas oitavas de final da Copa Brasil.

Confira o retrospecto do time desde a última derrota

Série C do Campeonato Brasileiro

Luverdense 1 x 1 Cuiabá

Luverdense 4 x 0 Rio Branco

Luverdense 4 x 0 Treze

Luverdense 2 x 0 Fortaleza

Luverdense 2 x 0 Baraúnas

Luverdense 3 x 1 Santa Cruz

Copa do Brasil

Luverdense 3 x 0 Tupi

Luverdense 2 x 0 Bahia

Luverdense 2 x 1 Fortaleza


Autor: G1


Comentários
O Jornal da Notícia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Jornal da Noticia e um meio de comunicacao de propriedade da AMZ Ltda.
Para reproduzir as materias e necessario apenas dar credito a Central AMZ de Noticias