Quinta-Feira, 21 de Outubro de 2021

Cuiabá Arsenal desafia torcida cuiabana e cria novos hinos de incentivo aos jogadores




COMPARTILHE

Quando o assunto é criatividade e inovação, o Cuiabá Arsenal faz um ‘show’ à parte, tanto dentro quando fora de campo. Desta vez, ainda em ritmo de Copa do Mundo, a equipe decidiu dar uma ‘forcinha’ para a torcida na hora de embalar o time, neste sábado (19/07), às 18h, na estréia do Campeonato Brasileiro de Futebol Americano (CBFA), no Dutrinha.

Com a adaptação de dois hinos clássicos do rasqueado cuiabano: ‘A Lua’ e ‘Eu sou de Cuiabá’, da dupla Henrique e Claudinho, a equipe pretende estimular a torcida soltar a voz, do início ao fim do jogo. A campanha foi lançada nesta semana e mostra os jogadores na arquibancada de treino, no Sesi Cristo Rei, cantando dois hinos que prometem virar hit. Os links estão disponíveis no facebook da equipe.

O time também dará dois ingressos para os apaixonados que gravarem um vídeo cantando os dois hinos e postarem na página da equipe no facebook com a hashtag #12Arsenal. “O torcedor é nosso 12º jogador e queremos ver ele, cada vez mais presente, tanto nas partidas como na interação diária com a equipe pelas redes sociais”, explica o presidente do Cuiabá Arsenal, Orlando Ferreira Junior. O camisa 12 já é uma campanha do futebol tradicional e o Arsenal quer replicar essa ideia.

Camisas com o número 12 serão vendidas na entrada do estádio. Os ingressos para o jogo deste sábado (19/07) estão à venda nas Livrarias Janina dos Shoppings Pantanal e Três Américas, e também pelo site Ingresso Rápido (  http://goo.gl/kdufbh ), ao custo de R$20 inteira e R$10 meia entrada.


Autor: Jornal da Noticia com Assessoria


Comentários
O Jornal da Notícia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Jornal da Noticia e um meio de comunicacao de propriedade da AMZ Ltda.
Para reproduzir as materias e necessario apenas dar credito a Central AMZ de Noticias